Indiaroba, uma cidade encantadora com belos atrativos turísticos

Indiaroba, uma cidade encantadora com belos atrativos turísticos

O município de Indiaroba está situado no litoral Sul de Sergipe, a 100 km da capital, Aracaju. Seu nome é de origem indígena que significa Indaiá+Rubá (Indaiá é uma espécie de palmeira, de nome Andiroba, em tupi guarani quer dizer óleo amargo) e (Rubá é uma semente/fruto originada da Indaiá que ao se misturar com qualquer raiz, semente ou fruto de outra planta, o torna amargo), e também tem o significado popular de ‘índia bela’. Aliada à sua riqueza cultural e religiosa, essa cidade possui características de uma vila de pescadores cercada por um extenso estuário ecológico que propicia o ecoturismo rural valorizando a comunidade local, composto por manguezais onde encontram-se várias espécies naturais como caranguejos, siris, aratus, ostras, camarões e peixes de diversas espécies, além de área praiana com pontos turísticos, a exemplo de uma orla cheia de atrativos naturais com portal que faz travessias de barco, lancha e até tototó (embarcação de madeira movida a motor cujo som característico a batiza) para a praia do Saco, Ilha do Sossego e Mangue Seco.

Que tal conhecer um pouco sobre os seus povoados turísticos

Terra Caída, um lugar bucólico que inspira tranquilidade

Indiaroba, uma cidade encantadora com belos atrativos turísticos 1
Foto: Jorgeana Borges

Terra Caída é um povoado banhado pelo rio Piauí. Cortado pela Linha Verde, aproxima o turista da capital pela ponte Gilberto Amado que liga os municípios de Estância e Indiaroba, e também proporciona a interligação de Sergipe à Bahia. É um local tranquilo onde a sua rusticidade encanta quem aprecia uma paisagem campestre mesclada pela fauna e flora litorânea com o bioma rio-mar.

Um dos sabores mais apreciados da gastronomia local são as famosas empadinhas produzida há mais de 50 anos pelo Sr. Pascásio, proprietário do Restaurante Frutos do Mar, que funciona próximo à rampa de embarque para a balsa que faz a travessia do Rio Piauí. Quem já conhece ou já ouviu falar sobre essa iguaria, dificilmente vai passar pelo local e não dar uma paradinha para degustá-la, inclusive, é importante destacar que as empadas de Terra Caída foram declaradas patrimônio cultural imaterial do estado de Sergipe. Além disso, na região também tem pratos à base de macaxeira, batata doce, coco, caju, ameixa, mangaba e seus derivados. De lá saem embarcações para o passeio turístico com destino à Mangue Seco/BA e praia do Saco passando por manguezais, restinga de Mata Atlântica e biomas de praia.

O carnaval é a festa principal da comunidade com atrações de blocos carnavalescos, atraindo muitos foliões e turistas que podem desfrutar de passeios em embarcações até Mangue Seco (na Bahia), Ilha da Sogra, Ilha do Sossego e pelo estuário dos Rios Real e Piauí, em Sergipe. Para chegar à Terra Caída partindo de Aracaju, a dica é ir pela Rodovia/SE-285, na Linha Verde sergipana, passando pelo povoado Mosqueiro, seguindo em direção à ponte Joel Silveira, no município de Itaporanga d’Ajuda. Mais adiante faz a travessia pela ponte Gilberto Amado, e ao seu final logo à margem direita da rodovia está a bucólica Terra Caída.

Pontal, um estuário de riquezas naturais

Indiaroba, uma cidade encantadora com belos atrativos turísticos 2
Foto: Enfa Kelly Mayra

Localizado a 17 km da sede, Indiaroba, pode-se dizer que o Pontal é um lugar inesquecível, pois o seu cenário de prainha e também campestre emoldurado por aves como garças, biguás e martíns despertam o visitante a embarcar no ecoturismo e trilhas numa imersão na natureza.

Esse povoado tem um estuário de riquezas naturais que propiciam a economia local, a pesca, que consiste numa das principais fontes de renda; e o turismo fluvial com a travessia para Mangue Seco/BA, e também passeios para a Ilha da Sogra, Ilha do Sossego – e à sede do Projeto Associação das Catadoras de Mangaba, fruta com sabor ligeiramente ácido e leitoso, típica do bioma Caatinga. Nessa associação são produzidos iguarias oriundas dessa fruta. A gastronomia local é farta em crustáceos como o aratu, guaiamum e o caranguejo.

O Pontal fica à beira do rio Real, em frente às dunas de Mangue Seco, a 8 km de Terra Caída, com acesso à esquerda pela Rodovia/SE-285.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *